work'in Marquês no Pick Me

 

Cada vez mais, felizmente, percebemos que sozinhos dificilmente chegamos onde quer que seja. Um dos primeiros passos para o sucesso e realização profissional, passa por percebermos que em equipa ou através de parcerias não só conseguimos um trabalho melhor, como chegamos mais longe.

Hoje, no Pick da semana fomos conversar com Gonçalo Gaspar. Um jovem arquitecto, que acabou o curso em Milão, ao abrigo do programa Erasmus, que trabalhou e viveu em Paris, e percebeu que era em Portugal que queria ficar.

Uma vez que o mercado não lhe estava a abrir portas, Gonçalo, juntamente com os seus 3 sócios, decidiu abrir portas ao mercado, e apresenta-nos o work´in Marquês!!

Um espaço de co-work, mesmo no centro de Lisboa. Um espaço “cuja filosofia base reside na utilização de um espaço open-space multidisciplinar, que potencia a aprendizagem, a partilha de conhecimentos e de experiências entre os diferentes coworkers. Para dar vida ao espaço, serão bem-vindos os profissionais liberais e micro-empresas que valorizem o espírito de equipa, que gostem de empreendedorismo e de inovação”, conta-nos o Gonçalo.

O work´in Marquês, proporciona assim, não só ao Gonçalo como arquitecto, mas também a profissionais independentes, freelancers e micro empresas aumentar o seu networking, trocar experiências e criar uma maior oferta a todos os clients que cada têm e terão.

À semelhança do que irá acontecer todas as semanas, com os Pick da semana o Gonçalo respondeu-nos a 2 perguntas, e deixa-nos uma mensagem!

1. Gonçalo, porquê um espaço de cowork?

Eu quando comecei o projeto não sabia que este tipo de espaço de trabalho se chamava “cowork”… A ideia surgiu da minha experiência em Paris, onde todos os espaços de trabalho onde estive inserido (devido à rotatividade do meu trabalho) tinham uma coisa em comum: eram open-space. Porém, cada um deles tinha uma identidade muito própria, sendo que, o mais fascinante foi coexistirem arquitetos, paisagistas, designers, artistas, engenheiros e maquetistas a trabalharem lado a lado e, embora cada um deles trabalhasse em áreas diferentes, e não necessariamente no mesmo projeto, existia uma partilha de conhecimento constante. Eu na altura chamava a este tipo de espaços “um lugar onde se aprende mais, onde se conhece mais pessoas e onde trabalhar é divertido”!  Num dos espaços, a antiga fábrica de automóveis “Panhard”, conviviam lado a lado 450 pessoas de diferentes áreas, unidas num único edifício com 3 pisos (em open-space!). Isso foi sem dúvida a base de inspiração para a criação de um projeto baseado num espaço open-space multidisciplinar que potencie a aprendizagem e a partilha de conhecimentos entre as pessoas.

2.       Foi fácil começar esta nova aventura?    

Eu não diria fácil.. diria motivador! O que se ganha em termos de realização pessoal é, por si só, motivo suficiente para começar um projeto. Dito isto, a minha formação (em arquitetura) e a minha experiência de vida não me permitiu ter uma visão abrangente de todos os problemas que iria encontrar no caminho, mas ainda bem! Somos 4 sócios no projeto, em que cada um vem de uma área diferente (bem ao espírito do cowork!) e com experiências de vida bastante diferentes. Além da troca de ideias entre sócios, foi necessário falar com inúmeras pessoas, modificar muitas vezes abordagens ao mesmo problema e esquecer conceitos pré-estabelecidos. Obviamente que é essencial termos em conta que a palavra chave no inicio de um projeto é flexibilidade (o tal “jogo de cintura” de que os empreendedores falam muito…).

MENSAGEM

Empreendedor, na minha opinião, são todas as pessoas que têm ideias e que não têm medo de saltar para o escuro para ver essa ideia concretizada. Um salto no escuro pode ser para um precipício mas também pode ser para um trampolim que te leva a um outro nível de realização profissional…e é esse trampolim que todos os empreendedores querem! Ideias temos todos mas infelizmente somos (ainda) poucos a pô-las em prática. Se tens uma ideia: SALTA!!

Obrigado Gonçalo pela tua colaboração com o PICK ME!

Obrigado work´in Marquês e PARABÉNS por esta iniciativa!

 

fonte: Pick Me

O que dizem de nós?

"De longe a melhor sala de reuniões dos espaços de coworking de Lisboa!" 
André Soares / Sala da Avenida
 
"O melhor do espaço? A atenciosidade. Houve pouca coisa que não tivesse sido pensada. O facto de haverem imensas tomadas, cabos de rede, internet super rápida, um frigorifico, micro-ondas, etc. Até nos indicaram restaurantes na zona."
Maria Branco / 1ºandar - Sala 1
 
 
"A localização, o sossego, a facilidade de contacto."
Fernando Chaves / Coworking

 
 

Já esteve no nosso espaço? Envie-nos o seu testemunho!


 

Newsletter

 

 

Sitemap


 

Facebook

 

Press

Parceiros

Source of Knowledge

Localização

Av. António Augusto de Aguiar, 24
1050-016 Lisboa